Sunday, March 11, 2007

Stick

A grande maioria de carros vendidos no Canadá segue o padrão 'Estadunidense'. Podemos dizer que não chega a tanto, já que existe uma maior quantidade de modelos econômicos e de médio porte. Outra fator é o de que europeus, asiáticos e sul-americanos gostam e incentivam o padrão 'europeu'.

Uma das características marcantes por aqui é o câmbio automático. Queria saber que graça todo mundo (Dani inclusive) vê nisso.... Eu sei que é chato ficar trocando marchas quando estamos presos na Marginal Tietê na saída do trabalho de uma Quinta-feira de chuva. Mas por pior que seja o trânsito por aqui, duvido que se compare a 200 km de vias congestionadas. Neste caso, o argumento de que o trânsito daqui é muito pesado não nos assusta.

Conforto? humm.... Tá bom, não é preciso mais usar a perna esquerda para apertar a embreagem, e a mão direita fica o tempo todo no volante (ou no celular, como sempre vemos). Deixamos o carro fazer o trabalho chato enquanto apenas pensamos na direção.

Eu não sou um 'purista' a ponto de achar que controle de tração e distribuição eletrônica da força dos freios fazem com que o motorista deixe de ter uma razão de exsitir. Aliás, se fosse assim, com os GPS e sistemas de ajuda para estacionar o carro, nós os maridos também ficaríamos sem função...

Gosto do câmbio manua,l pois gosto de pensar que o carro faz o que eu quero. Posso reduzir a marcha antes de entrar numa curva ou para segurar o carro em piso escorregadio. Posso economizar combustível ao deixar o carro mais 'solto'. Não preciso mais ficar ouvindo o carro mudar de marchas para cima e para baixo de forma indecisa.

Ah sim, enquanto que um carro automático parte sem problemas numa subida, com o manual será preciso pisar no freio e no acelerador ao mesmo tempo para tirar o carro da ladeira. Parece uma desvantagem? Você não tem espírito de aventura?!?

4 comments:

Carol & Fernando said...

Somos adeptos da lei do mínimo esforço!!
Viva o câmbio automático!!! hehe

Carol e Fernando

Ellie B. Morris said...

Gosto de ler o blog de voces. Eu tambem nunca trocaria meu cambio automatico. O fato do carro nao voltar pra tras na subida foi suficiente pra me convencer.

Boa sorte pra voces ai no Canada. Eu adorei quando passei uns dias em Vancouver. Canada eh um lugar muito interessante.

Jeanne said...

Pobre como sou não tenho um carro nem com direção hidráulica, p qie direi de câmbio automático, mas como sei que aí as coisas são mais fáceis que aqui (e carro no Brasil é caro MESMO) eu vou querer tudo do bom e do melhor: direção hidráulica, ar condicionado e câmbio automático!!!! Minha tendinite agradece!
:P

André said...

Rafa, dizem que por aqui carro manual é muito desvalorizado. Mas depois q vc se acostuma com o automatico vc não quer saber outra coisa.
Tb acho q nos automáticos a gente perde a autonomia de escolher as marchas mas é uma questão de costume mesmo.
O consumo do automático tb tende a ser maior mas é o preço do conforto.