Tuesday, October 28, 2008

Dragas

Neste último domingo, Dani resolveu fazer uma feijoada.

Durante estes dois anos, tentamos diversas vezes simular a culinária brasileira. Em geral procuramos produtos originais ou dicas de brasileiros sobre similares que são ‘quase a mesma coisa’, mas poucas vezes tivemos sucesso.

Nosso maior desastre/decepção foi a indicação que recebemos para fazer pastel de feira com massa de won ton (usada para fazer sopas orientais) e que passou bem longe do que queríamos (seja em sabor, consistência ou preparo). Ou o pote pronto de strogonoff que só depois aprendemos que aquilo não é estrogonoff e sim um tipo de molho para macarrão com sabor muito diferente do que imaginávamos.

Mas para nossa alegria, o feijão preto, paio, carne seca, costelinha, farofa, couve e mandioca frita... ficaram ótimos. O problema foi conter os dois dragas aqui em casa. As porções pareciam até mesmo aqueles ‘PF’s de tão grande.

Para evitar um aumento lateral da população local (Dani e eu) achamos melhor congelar parte da feijoada, mas pelo tamanho da gula, estou achando que os pratos não vão durar muito no freezer.

Dada a culinária local, é possível entender que fazia tempo que não comíamos com tanto gosto (que cá entre nós, os 'Rio 40º' e similares ficam muito a desejar no quesito "comida brasileira"). Bem, graças aos esforços da Dani, aos poucos vamos nos achando por aqui.

5 comments:

Jeanne said...

desse jeito ja da para abrir um restaurante!
eu vou tentar fazer fondue, vamos ver como fica!
bjs

Paulo Mello said...

Olá.
Que tal postar umas comidas curiosas daí como uma tal de de "Torta de Rim" que lí em algum lugar e que sei que NUNCA vou nem chegar perto.

Abraços.

Nilza said...

Ola Dani, como sou assídua leitora do blog, vou da r meu pitaco! Quanto as massas de pastéis pq vcs mesmo nao a fazem em casa? É super fácil e nem se compara as compradas,se quizer a receita eu a colocarei depois aqui! Abraços diretos da patria amada!

Paula Regina said...

O Gauchos BBQ lá no bairro português faz uma feijoada deliciosa e igualzinha a feita no Brasil! Me esbaldei quando fui lá... Esta semana também fui para a cozinha fazer uma iguaria da minha avó e não é que deu certo e ficou igualzinho! Fiz bolinho de chuva, estava morrendo de lombriga e ficou uma delicia, nada como podermos ir para a cozinha para matar nossas lombrigas brazucas não?
bjs

Sabrina said...

O Rio 40 realmente deixa muito a desejar, o sabor não fica original. Ja foi no Brazilian Star ali na Dundas West? Eu acho o mais parecido com a comidinha caseira que a gente faz no Brasil... ultima vez pedimos uma prato de picanha/alcatra para dois, sai uns 25 dolares, porções enormes com arroz, feijao, farofa... etc e eu podia jurar que minha mae tinha feito. Muito bom.